Veja os melhores momentos da vitória por 2 a 0 do Fla sobre o Grêmio

Recém-contratado, o colombiano Orlando Berrío teve a melhor estreia possível com a camisa do Flamengo. Em Brasília, no estádio Mané Garrincha, na estreia da Primeira Liga 2017, o Flamengo venceu o Grêmio, que atuou com os reservas, nesta quarta-feira por 2 a 0.

Éverton, aos 42 minutos do primeiro tempo, abriu o placar para o time carioca. Aos 33 do segundo tempo, foi a vez de Berrío, que havia entrado no lugar de Mancuello 15 minutos antes, ampliar o placar na sua estreia pelo rubro-negro.

Com este resultado, o Flamengo lidera o grupo B da Primeira Liga de forma isolada, já que América-MG e Ceará empataram.

O time carioca chega a sua quarta vitória em quatro jogos no ano, mantendo os 100% de aproveitamento em 2017.

Na próxima rodada, o Flamengo vai enfrentar o Ceará, em Fortaleza. Já o Grêmio vai receber o América-MG, na Arena Grêmio.

O jogo

O Flamengo começou no ataque e, logo no primeiro minuto, Mancuello cobrou escanteio e Réver cabeceou com perigo. Logo depois, Mancuello bateu falta e Willian Arão se meteu entre os zagueiros para cabecear com perigo.

Depois da pressão inicial do time rubro-negro, o ritmo da partida caiu muito. Sem grandes ambições ofensivas, o time reserva do Grêmio assumia uma postura mais cautelosa, mantendo apenas o atacante Miller Bolaños na frente. Aos 14 minutos, depois de blitz rubro-negra na área gaúcha, Everton cruzou e William Arão cabeceou mal, desperdiçando a oportunidade.

O Grêmio chegou, pela primeira vez, aos 16 minutos em chute forte de Fernandinho que assustou o goleiro Alex Muralha. Aos 20, o goleiro do Flamengo voltou a trabalhar ao defender a conclusão de Everton.

O time carioca seguia controlando as ações, mas encontrava dificuldade para superar o forte bloqueio armado pelo Grêmio. Aos 26 minutos, o peruano Trauco fez ótimo lançamento para Willian Arão, mas o volante demorou a entender e desperdiçou a jogada.

Aos 31 minutos, Fernandinho foi lançado na corrida, mas o goleiro Muralha saiu bem e ficou com a bola. Dois minutos depois foi a vez de Diego mandar a bomba, da entrada da área, mas a bola desviou na zaga e saiu para escanteio.

Melhor na partida, o Flamengo voltou a criar boa chance para marcar aos 37 minutos. Mancuello levantou na área, o goleiro Bruno Grassi saiu mal e a bola acabou nos pés de Rafael Vaz, que tentou a conclusão, mas mandou para fora.

Aos 42 minutos, o Flamengo marcou o primeiro gol. Trauco arrancou pela esquerda, tabelou com Diego e fez ótimo lançamento para Everton, que bateu de primeira para colocar a bola na rede.

Os dois times voltaram sem modificações para o segundo tempo. O Flamengo seguiu com maior posse de bola, mas não mostrava a mesma agressividade da etapa inicial. Aos quatro minutos, após troca de passes na entrada da área, Mancuello concluiu por cima do travessão.

O Grêmio tentava buscar o empate, mas não conseguia furar o bloqueio armado pelo adversário. Para tentar dar mais agressividade ao time, o time gaúcho colocou o atacante Jael no lugar do volante Michel.

Aos 11 minutos, Mancuello recebeu na entrada da área e bateu para boa defesa de Bruno Grassi. Dois minutos depois, Alex Muralha evitou o empate ao espalmar um chute perigoso de Bolaños.

O técnico Zé Ricardo decidiu promover a estreia do atacante colombiano Orlando Berrío e o colocou na vaga de Mancuello, mas foi o Grêmio que esteve mais perto do empate em chute de Everton, que Muralha espalmou. Fernandinho tentou aproveitar o rebote, mas a zaga carioca salvou.

O time gaúcho ganhou mais ânimo e Cortez fez bom cruzamento que foi cortado por Arão. Aos 27 minutos, o goleiro Alex Muralha saiu mal, ao tentar cortar um cruzamento, mas o Grêmio não soube aproveitar.

Quando tudo indicava que o Grêmio chegaria ao empate, o Flamengo marcou o segundo gol, através do estreante Berrío, aos 32 minutos. Após cobrança de escanteio, Guerrero cabeceou, Bruno Grassi deu rebote e após confusão na pequena área, Berrío, de peixinho, colocou a bola na rede.

Depois de estabelecer a vantagem, o Flamengo apenas tocou a bola, enquanto o Grêmio lutou, mas não conseguiu reverter a situação.

Alex Muralha destaca ajuda do ataque na marcação e celebra atuação

FICHA TÉCNICA:
FLAMENGO 2 X 0 GRÊMIO

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 8 de fevereiro de 2017 (Quarta-feira)
Horário: 19h30(de Brasília)
Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC)
Assistentes: Kleber Lúcio Gil (SC) e Carlos Berkenbrock (SC)
Cartão Amarelo: Diego(Fla); Bressan(Gre)
Gols:
FLAMENGO: Everton, aos 42 minutos do primeiro tempo; Berrío, aos 32 minutos do segundo tempo

FLAMENGO: Alex Muralha, Pará, Réver, Rafael Vaz e Miguel Trauco; Rômulo, Willian Arão, Diego(Márcio Araújo), Mancuello(Berrio) e Everton(Gabriel); Paolo Guerrero. Técnico: Zé Ricardo

GRÊMIO: Bruno Grassi, Leonardo Moura, Raphael Thyere, Bressan e Cortez; Michel(Jael), Kaio, Arthur e Fernandinho; Everton(Maxi Rodriguez) e Miller Bolaños. Técnico: Alexandre Mendes