Logo Netfla

Vítima de Vinícius Júnior, Emelec volta a enfrentar o Flamengo na Libertadores com a base de 2018

Brayan Angulo cobra pênalti contra o Cruzeiro — Foto:  EFE/ Yuri Edmundo

Brayan Angulo cobra pênalti contra o Cruzeiro — Foto: EFE/ Yuri Edmundo

O Emelec, do Equador, já se tornou um adversário bem conhecido do Flamengo em suas últimas participações na Libertadores. Os times se enfrentaram em 2012, 2014 e 2018 e se encontrarão novamente nas oitavas de final deste ano, depois do sorteio realizado na noite de segunda-feira . Na última vez, aconteceu o despertar de Vinícius Júnior com a camisa do clube carioca, marcando dois gols no Equador, em um jogo fundamental para a classificação na fase de grupos.

O Emelec tem a mesma base do ano passado, quando o Flamengo venceu os dois confrontos. (2 a 1 em Guayaquil e 2 a 0 no Maracanã). Em 2014, também foram duas vitórias (2 a 1 e 3 a 1). A única lembrança ruim é de 2012, quando o time caiu na fase de grupos no qual o clube equatoriano acabou se classificando ao lado do Lanús.

Alguns jogadores que estão no elenco atual e estiveram em campo no ano passado são Dreer, Paredes, Jaime, Mejía, Arroyo, Matamoros, Joao Rojas, Caicedo, Bagüi, Luna, Brayan Angulo e Orejuela.

O caminho do rival

Na fase de grupos, o Emelec se classificou como segundo colocado do Grupo B, atrás do Cruzeiro. Na última rodada, venceram por 2 a 1 no Mineirão e terminaram a fase com nove pontos, com duas vitórias, três empates e apenas uma derrota. Marcou seis gols e sofreu cinco.

O time começou mal a competição, com apenas dois pontos somados em três jogos, sendo dois deles em casa. No entanto, na segunda parte, conseguiu se reerguer, com duas vitórias fora de casa nos últimos dois jogos, deixando para trás Deportivo Lara, da Venezuela, e Huracán, da Argentina.

Mudança de técnico

O espanhol Ismael Escalvo tem apenas três jogos no comando do Emelec, um deles a vitória sobre o Cruzeiro. Ele assumiu o cargo no dia 30 de abril e tem no currículo passagens por Independiente Medellín, da Colômbia, e Independiente Del Valle, do Equador. Aos 37 anos de idade, ainda buscar se firmar na profissão e terá uma grande oportunidade de apresentar seu trabalho contra o Flamengo.

Campeonato Equatoriano

O Emelec não vive um bom momento na competição. No momento, está na 10ª colocação e venceu apenas um de seus últimos cinco jogos na competição. Com apenas 16 pontos, estaria hoje fora até da segunda fase. O time já sofreu sete derrotas em 13 jogos disputados, com apenas 12 gols marcados. Em seu último jogo, perdeu por 1 a 0 para o Barcelona, em casa, domingo.

Destaque

Criado nas categorias de base do Emelec, o meia Brayan Angulo, de 23 anos de idade, é o principal nome do time nesta temporada. Cobiçado por times brasileiros, chegou a receber uma oferta do Santos, que não caminhou. O jogador é avaliado em 2,5 milhões de euros (mais de R$ 10 milhões) pelo "Transfermarket".

Na atual edição da Libertadores, Angulo marcou quatro gols nos seis jogos disputados na fase de grupos. Ele já fez gol em duelo contra o Flamengo, quando o Emelec perdeu em casa, de virada, por 2 a 1 no ano passado.

Estádio George Capwell

Em um palco para 40 mil pessoas, o Emelec não conta com uma pressão intensa da torcida. Está longe de ser um caldeirão capaz de amedrontar os adversários. Em 2017, o estádio teve sua última reforma concluída, sendo reinaugurado em um confronto com o New York City.

EstádIo do Emelec, em Guayaquil, Equador — Foto: Gabriel Duarte

EstádIo do Emelec, em Guayaquil, Equador — Foto: Gabriel Duarte

Fonte: Globo Esporte

Comentários

Jogos

Próximo jogo 1 dia, 17 horas a partir de agora
Brasileirão - Série A
CorinthiansCorinthians
X
FlamengoFlamengo
Dom 21/07 / Arena Corinthians / 16h00
Copa do Brasil
FlamengoFlamengo
- x -
Athletico PRAthletico PR
Últimas
+ Lidas da semana