Prestes a fazer sete meses no Fla, Vitinho busca retomar espaço

No próximo domingo faz sete meses que o Flamengo acertou a contratação do atacante Vitinho, que estava no CSKA, da Rússia. À época, o atual camisa 11 foi a maior contratação da história - negociação girou em torno de R$ 53 milhões - chegou rodeado de expectativa por parte da torcida. Hoje, porém, se encontra apenas como opção ao técnico Abel Braga e luta para, além de garantir mais espaço no elenco, afastar a desconfiança dos rubro-negros, que o vaiaram nas primeiras partidas deste ano.

O LANCE! separou alguns momentos do jogador nesta passagem pelo Flamengo até o momento.

Acerto

Em 24 de julho do ano passado, o Flamengo acertou a contratação de Vitinho após negociação com o CSKA, da Rússia, que envolveu cerca de R$ 53 milhões. O atacante chegava para substituir Vinicius Júnior, cria da base que tinha se transferido para o Real Madrid, da Espanha.

Apresentação

Com a camisa 14, Vitinho foi apresentado à torcida no dia 29, no intervalo da partida entre Flamengo e Sport, no Maracanã. Empolgada, os presentes ao estádio gritaram “Ô lê, lê, ô, lá, lá, o Vitinho vem aí e o bicho vai pegar”.

'Sonho de criança'

No dia seguinte ao jogo, foi a vez da apresentação oficial, com direito à coletiva de imprensa. Em uma das respostas, Vitinho garantiu que vestir a camisa do Flamengo era um sonho de criança que estava se realizando.

- É um sonho de moleque de verdade. Sempre disse para minha família que um dia jogaria no Flamengo. Graças a Deus, esse dia chegou e posso realizar esse sonho. Ainda mais sendo flamenguista, sei como a torcida sente. Estou louco para jogar, estrear, botar isso para fora e dar alegrias ao torcedor – disse.

Estreia

O atacante estreou pelo Flamengo no dia 2 de agosto, contra o Grêmio, no primeiro encontro pelas quartas de final da Copa do Brasil, ao entrar no segundo tempo, na vaga de Marlos Moreno, e teve atuação elogiada pelo técnico Maurício Barbieri.

- O Vitinho entrou muito, natural que sinta o ritmo, mas agregou ao jogo, prendeu a bola, é lúcido para tomar as decisões. Traz uma preocupação ao adversário. Léo entrou para marcá-lo no campo todo. Acho que isso até nos ajudou a criar espaços (pela esquerda) no fim - disse o comandante.

Desencantou

Vitinho balançou a rede pela primeira vez no Beira-Rio, em confronto com o Internacional, pelo Campeonato Brasileiro. Ele marcaria ainda contra o Paraná e Botafogo, time em que apareceu para o futebol.

Sequência e críticas

Aos poucos, Vitinho foi ganhando espaço na equipe e virou titular, tanto de Barbieri quanto de Dorival Júnior. Porém, não conseguiu engrenar e, em mais de uma oportunidade, acabou vaiado pela torcida.

Início devagar?

O atacante, que em 2019 passou a usar o número 11, iniciou a temporada como titular, mas a torcida 'pegou no pé' logo na estreia no Campeonato Carioca, pelo Bangu. Após o clássico com o Botafogo, quando saiu no intervalo para a entrada de Bruno Henrique - que entrou, fez dois gols e garantiu a virada -, acabou perdendo a vaga.

Vitinho

Vitinho em ação pelo Flamengo: atacante ainda não engrenou (Foto: Nayra Halm/Photopress)

Fonte: Lancenet

Comentários

Jogos

Próximo jogo 1 semana, 3 dias a partir de agora
Taça Libertadores da América
FlamengoFlamengo
X
Peñarol - URUPeñarol - URU
Qua 03/04 / Maracanã / 21h30
Campeonato Carioca
FlamengoFlamengo
- x -
FluminenseFluminense
Últimas
+ Lidas da semana