Golpe de "kung fu", furada e canelada de Jean disputam lance mais feio









Nesta quarta-feira, sobraram lances bonitos, mas acabaram surgindo alguns bem "bizarros" nos primeiros jogos da terceira rodada do Campeonato Brasileiro. E o "É Gol!!!" selecionou cinco momentos para o internauta escolher qual o maior "garrancho" de todos. Os concorrentes são Gustavo Henrique (Santos), Centurión (São Paulo), Jean (Palmeiras), Marinho (Vitória) e Marcelo Cirino (Flamengo) (assista ao vídeo) .

Clique aqui e vote no lance mais bizarro

O Santos empatou em 2 a 2 com o Figueirense, no Orlando Scarpelli, sofrendo gol no finalzinho da partida. Mas, para o zagueiro Gustavo Henrique, o jogo acabou mais cedo porque o jogador achou que estava dentro do ringue e aplicou um golpe de "kung fu" no peito de Dudu, do time catarinense. Que feio...

Também na região sul do país, o São Paulo empatou em 1 a 1 com o Coritiba. O time paulista poderia ter saído do Couto Pereira com um resultado melhor, se não fosse a furada história de Centurión, quase na pequena área, sem goleiro.

Gustavo Henrique Figueirense x Santos (Foto: Reprodução/SporTV) Gustavo Henrique levanta demais a perna e acerta Dudu, do Figueirense (Foto: Reprodução/SporTV)


Para completar a trinca dos times de São Paulo na enquete dos "garranchos", o volante Jean, do Palmeiras. Jogando como lateral-direito na vitória por 2 a 0 contra seu ex-clube, Fluminense, o jogador mostrou que tem que estreitar relacionamentos com a bola, já que deu uma canelada horrorosa na pelota, quando tentou dominar na grande área.

Em Belo Horizonte, o América-MG empatou em 1 a 1 com o Vitória, em uma noite de pouco futebol no Independência. Pelo time rubro-negro, o atacante Marinho não conseguiu se equilibrar no gramado e caiu sozinho, tropeçando nas próprias pernas.

Por fim, para completar a noite de terror do torcedor do Flamengo, Marcelo Cirino isolou a bola nas arquibancadas do estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Ao final dos 90 minutos, a torcida rubro-negra protestou pelo empate em 2 a 2 com a Chapecoense.

Fonte: Globo Esporte
)