Logo Netfla

VP do Flamengo sobre o fim da validade  da MP do Mandante: 'Perdemos oportunidade histórica'

Um dos entusiastas da MP do Mandante, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e que perdeu validade na última quinta-feira, o Flamengo, por meio de seu vice-presidente geral e jurídico, lamentou que a medida provisória não tenha sido votada no Congresso. Segundo Rodrigo Dunshee, uma "oportunidade histórica" foi perdida, mas o "filme não acabou".

- A MP do mandante perdeu a validade dia 15, por não ter sido votada a tempo no Congresso. Perdemos uma oportunidade histórica, mas tenho certeza que esse filme não acabou. A lei do mandante é a base da mudança. Liberdade é o marco zero - publicou o VP Rodrigo Dunshee, neste domingo, em seu Twitter.

A Medida Provisória 984/2020, chamada popularmente como Medida Provisória do Mandante, perdeu a validade na última quinta-feira sem ter sido votada pelo Congresso Nacional. Com isso, voltam a valer as regras anteriores da Lei Pelé, que distribui o "direito de arena" entre o dono da casa e o visitante.

Rodrigo Dunshee

O VP Geral e Jurídico Rodrigo Dunshee, do Flamengo, falou sobre o "fim" da MP 984 (Foto: Divulgação Site)

Fonte: Lancenet

Comentários

Jogos

Próximo jogo 2dias, 8horas a partir de agora
Libertadores da América
FlamengoFlamengo
X
Junior de BarranquillaJunior de Barranquilla
Qua 21/10 / Maracanã / 21h30
Campeonato Brasileiro
CorinthiansCorinthians
1 x 5
FlamengoFlamengo
Últimas
+ Lidas da semana