Um ano depois, Everton Ribeiro desabrocha e troca de papel com Diego no Fla

Luciano Belford/AGIF
Everton Ribeiro foi o nome do Flamengo na importante classificação da Libertadores

Demorou praticamente um ano, mas enfim Everton Ribeiro parece ter desabrochado com a camisa do Flamengo. O meia se transformou em uma das principais peças do Rubro-negro nos últimos jogos e foi responsável direto pela vaga antecipada nas oitavas de final da Copa Libertadores. Mais do que isso, ele trocou de papel com Diego e passou a comandar o meio-campo dos cariocas.

Everton Ribeiro tem 58 apresentações oficiais com a camisa rubro-negra e 11 gols marcados. Três deles, porém, foram assinalados nos últimos quatro jogos. Depois de amargar algumas partidas no banco de reservas, o camisa 7 lembrou em alguns momentos o jogador que foi eleito o craque do Campeonato Brasileiro em 2013 e 2014, quando defendia o Cruzeiro.

Ainda é nítido que ele busca o melhor lugar em campo para desenvolver o futebol que encantou e o fez vestir a camisa da seleção brasileira. Everton Ribeiro se destacou na ausência de Diego e também apareceu quando Lucas Paquetá não esteve no melhor momento. O objetivo agora é manter a regularidade independentemente de quem estiver em campo, o que foi feito com êxito nos 2 a 0 sobre o Emelec.

Há quem defenda nos bastidores do Flamengo que Everton Ribeiro e Diego não devem jogar juntos por questão de semelhança. Neste caso, um "mata" o outro pela ação na mesma faixa de campo. O técnico interino Maurício Barbieri já demonstrou pensar diferente - ainda que tenha colocado Ribeiro no banco em alguns compromissos. Ele aposta em um camisa 7 que atua pelo lado direito, se desloca com frequência e inverte por vezes o posicionamento com o companheiro.

Thiago Ribeiro/AGIF
Diego marcado de perto pelos jogadores do Emelec: mais uma atuação ruim pelo Fla
O poder de finalização do jogador também tem sido aproveitado, já que a aproximação da área adversária era algo cobrado até pelo próprio atleta. Enquanto Everton Ribeiro cresce de produção, Diego apresenta queda de rendimento. A demora para tomar decisões em alguns momentos e o fato de desacelerar o jogo irritaram os torcedores presentes ao Maracanã.

Hoje, Everton Ribeiro trocou de papel com o companheiro de posição e amigo pessoal. Ele vive um momento melhor e goza de prestígio com a torcida. Apenas Maurício Barbieri será capaz de definir se ambos continuarão na equipe. De uma coisa, no entanto, o técnico está convencido. Tudo ficará muito mais fácil se puder contar com o futebol do camisa 7.

"Vivo o meu melhor momento no Flamengo. A equipe está arrumada e coletivamente as coisas estão acontecendo. O meu crescimento está ligado ao desempenho do time. Todos estão mais próximos em campo, o que ajuda a aparecer o talento individual", afirmou Everton Ribeiro.

"Nunca deixei de acreditar. Foi um jogo especial. Fui abençoado com os dois gols de uma classificação tão importante. Dedico para a minha esposa e o meu filho Augusto [nascido prematuramente e que ainda está na UTI Neonatal]", concluiu o meia rubro-negro.

Fonte: Uol

Comentários

Jogos

Próximo jogo 19 horas a partir de agora
Brasileirão Série A
Atlético MGAtlético MG
X
FlamengoFlamengo
Sab 26/05 / Independência / 21h00
Taça Libertadores da América
River Plate (ARG)River Plate (ARG)
0 x 0
FlamengoFlamengo
Últimas
+ Lidas da semana