Colômbia - O técnico Tite explicou as mudanças que fez no Flamengo para a partida contra o Millonarios, válida pela Libertadores, que terminou empatada em 1 a 1, nesta terça-feira, 2 . Durante a entrevista coletiva, o treinador revelou que tinha nove jogadores com "algum problema" antes da partida. Assim, precisou fazer algumas mexidas.
"Nós viemos com nove jogadores que tinham algum problema. Nove, do último jogo até agora. Nós tínhamos que fazer uma revisão, eu não posso entrar com nove jogadores, alguns sentindo, algum detalhe mais. Até porque, e esse é o detalhe mais importante, temos jogadores e um plantel com muita qualidade. Quando tu tens a necessidade que é clínica ou física de um decréscimo, naturalmente tu tens esses grandes jogadores para poder participar. E aí entram-se os nomes que tu citaste", explicou Tite.
No total, foram quatro mudanças no time titular. David Luiz, Viña, Igor Jesus e Bruno Henrique entraram nas vagas de Léo Pereira, Ayrton Lucas, De La Cruz e Luiz Araújo, respectivamente. De La Cruz, inclusive, foi cortado da lista de relacionados porque apresentou febre com quadro viral.

O treinador também fez uma análise da partida. O Fla saiu na frente com o gol de Pedro , aos 19 minutos do segundo tempo. Desde então, o Rubro-Negro atuou com um homem a mais, já que Vásquez foi expulso. No entanto, o time acabou cedendo o empate aos 35 .
"O futebol, às vezes, te apresenta diferentes etapas. O Millonarios poderia ter feito gol depois dos 15 minutos do primeiro tempo, quando criou volume e lançou bolas na área. A gente errou muitos passes, a altitude proporciona isso, o que impediu de acionar os atacantes com melhor qualidade. A bola corre mais. Voltamos melhor no segundo tempo, com superioridade e fizemos o gol. O futebol é assim. Tem esses detalhes. Jogo dominado, com chance de fazer o segundo. Uma jogada individual, deu o gol deles. Talvez a única oportunidade. Fizemos um bom segundo tempo, mas sofremos o gol", disse Tite.