Primo de Vidal fala sobre Flamengo, mas coloca chileno mais próximo do Boca

As especulações quanto ao futuro de Arturo Vidal seguem fortes. Visto como grande candidato a ficar com o chileno, o Flamengo tem visto a concorrência do Boca Juniors crescer ao longo das últimas semanas. Na Argentina, os Xeneizes estão ainda mais confiantes depois de uma declaração do primo do jogador, Gonzalo Vásquez. Segundo ele, a equipe comandada por Sebastián Battaglia está na frente na corrida pela sua chegada.

"O Flamengo deu-lhe elogios, piscadelas, não sei o quão sério isso seria. O Boca se moveu rapidamente e acho que há 70, 80% de chance de Arturo ir para lá. Sentir a paixão novamente deve ser muito bom, deve seduzi-lo. Ele não está interessado em dinheiro, senão iria para o Catar ou para os Estados Unidos", disse.

Vásquez ainda destacou a boa relação entre Vidal e Riquelme, hoje dirigente no Boca Juniors. Além disso, revelou uma conversa que teve com o volante no passado.

"Arturo tem um grande respeito por Juan Román [Riquelme] por sua carreira e se comoveu com seu chamado, estava feliz. Román é um Deus do futebol . Arturo me diz que seria muito importante para ele jogar no Boca, ele sente que seria muito bom para sua carreira", afirmou.

Nesta semana, o jornal 'AS' veiculou que o Flamengo fez uma proposta para Vidal , mas ainda não agradou os agentes do atleta, que enviaram uma contraproposta, mas sem resposta do Rubro-Negro. Enquanto isso, o Boca Juniors tem crescido no retrovisor.

Apesar de já ter declarado que gostaria de vestir a camisa do Flamengo, Vidal também externou no passado que tem vontade de um dia jogar na Bombonera, já que não conseguiu jogar no estádio enquanto estava na América do Sul.

Enquanto aguarda a definição sobre seu futuro, Vidal segue ligado à Inter de Milão, da Itália. O contrato do chileno com a equipe italiana vai até junho de 2023.

Imagem: Getty Images

Fonte: Uol
)