São Paulo - Na primeira entrevista coletiva como presidente do Corinthians, Augusto Melo voltou a bater na tecla sobre o interesse do clube na contratação do atacante Gabigol, do Flamengo. O mandatário, recém-eleito, detalhou os avanços nas negociações e mostrou como um acordo depende das partes do atleta.
"Conversa adiantada, depende deles. É um atleta que nos interessa e tem nossas características. Fizemos a nossa parte, sabemos que é difícil, um dos melhores jogadores do país, ídolo por onde passou, e nos interessa. Está caminhando bem, se Deus quiser", disse Augusto.
Na cerimônia de posse do novo presidente do Timão, o vice-presidente de futebol do Rubro-Negro, Marcos Braz, marcou presença e isso aumentou os rumores sobre uma possível negociações. Augusto Melo, no entanto, não relacionou a presença do gestor do Fla.
"Marcos Braz veio representando o presidente Landim. O futebol tem que ter essa harmonia e essa integração, assim como fui na posse do presidente Marcelo Teixeira, no Santos. A negociação com o Gabigol, nos interessa, estamos conversando. Vai depender deles, é um jogador que não é barato e tem nossas características. Seria um sonho. Se não der certo, a gente tem um plano B e C e estamos partindo para isso. Sem investidor", completou.
Gabigol tem contrato com o Flamengo até o fim de 2024, mas uma renovação por mais três temporadas já engatilhada em acordo.
"Gostaríamos de ser mais claros, como falo do Gabigol. Ele me interessa, quem sabe? Depende deles. Vão vir grandes surpresas, não vamos abrir mão de ter um time para ganhar tudo. Sou corintiano e sei o que passamos no ano passado."