Prefeitura de Mesquita volta atrás e libera estádio para estreia do Fla no Carioca

A estreia do Flamengo no Campeonato Carioca está confirmada para o Giulite Coutinho. Um dia depois de vetar o estádio, a Prefeitura de Mesquita decidiu revogar a decisão que havia tomado e liberou o local para o duelo entre o time rubro-negro e o Boavista, às 19h30 deste sábado.

Saiba Mais

Na sexta, o Executivo da cidade fluminense havia fechado o estádio alegando "risco iminente de ocorrência de desastres".

Imediatamente, advogados do America-RJ, dono do estádio, avisaram que iriam entrar com uma liminar para derrubar a decisão tomada pela defesa civil da Prefeitura de Mesquita e liberar o espaço para o primeiro compromisso do Flamengo no Estadual. O clube rubro-negro também garantia que tinha todos os laudos que liberavam a realização do evento em Edson Passos.

Na manhã deste sábado, o America entrou em um acordo com a Prefeitura, que decidiu liberar o estádio e até já retirou o lacre do local. O clube americano se comprometeu a realizar obras no estádio a partir de segunda-feira, e a cidade cedeu.

"A Federação [Carioca] e o America intercederam, e a Prefeitura já retirou a interdição. Já até retiraram o lacre de lá", afirmou ao ESPN.com.br Marcio Mac Culloch, gerente de comunicação do Flamengo.

Veja, abaixo, a nota oficial emitida pelo America:

"O America Football Club, em tempo hábil, tomou as medidas cabíveis para a liberação do Estádio Giulite Coutinho para o jogo das 19h30min deste sábado (30), entre Flamengo e Boavista. Nesta data (30), pela manhã, o prefeito da cidade de Mesquita desinterditou o Estádio, liberando o mesmo para o espetáculo de logo mais, como previamente agendado pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Atenciosamente,

Sidney Santana, Presidente do America Football Club"

Fonte: Espn
)