Rio - Léo Pereira agradeceu Ayrton Lucas pela assistência dada na vitória do Flamengo sobre o Botafogo por 1 a 0 no Maracanã . Em entrevista concedida à Fla TV nesta quinta-feira, 8, o zagueiro elogiou o companheiro de equipe e contou bastidores do gol que selou o triunfo rubro-negro no clássico, que foi válido pela sétima rodada da Taça Guanabara.
"Agradeci ele no final do jogo. Um lance antes, eu já peço essa bola no segundo poste, eu vi que poderia ter essa oportunidade de cabeceio. Na primeira, veio um pouco mais curta, ai ele levou aquela cornetada (risos). Estou brincando. Ele foi muito feliz no cruzamento, acredito que ele vem aperfeiçoando isso durante os treinamentos. Nem me mexi, quase", disse o zagueiro.
Outro tema da entrevista foi seleção brasileira. Dorival Júnior, inclusive, marcou presença no Maracanã para acompanhar o clássico da última quarta-feira. Nesse sentido, Léo não escondeu o desejo de, um dia, defender a Amarelinha.
"É o sonho de todo jogador. Estou sabendo (da presença de Dorival Júnior, técnico da seleção), espero que ele tenha visto. Foi um jogo importante para a gente mostrar nossas características, mas estou focado no Flamengo. Quero fazer meu papel bem-feito aqui, dar meu máximo, porque tenho certeza que, se eu estiver fazendo as coisas bem-feitas, vai vir a convocação. É um sonho meu, pessoal. Acredito que todos os meus companheiros vão me ajudar, assim como estão ajudando. Estou feliz pelas minhas atuações, mas têm que continuar. Tenho que trabalhar firme para que, um dia, esse sonho se tornar realidade", afirmou Léo.

Veja mais declarações de Léo Pereira:

Momento em que Léo Pereira marcou o gol que garantiu a vitória do Flamengo sobre o Botafogo - Gilvan de Souza /Flamengo
Momento em que Léo Pereira marcou o gol que garantiu a vitória do Flamengo sobre o Botafogo Gilvan de Souza /Flamengo

INÍCIO DE TEMPORADA DO FLA

"Um time qualificado e muito bem treinado. O torcedor também tem que entender que não é sempre que as coisas vão acontecer da maneira que eles querem, que a gente quer. Entramos para dar o nosso melhor, é claro. Tem dias que não dá só na qualidade, tem que ser na raça, no último minuto. Aquela frase, Flamengo é isso, sofrendo até o final. Nunca podemos deixar de acreditar, de lutar pelo que a gente quer. Acredito que esse foi o espírito ontem dentro de campo e conseguimos essa vitória".

TITE

"Ele é um cara muito visionário, experiente no futebol. Tudo que ele fala é para o nosso bem. Ele costuma pontuar algumas fases do jogo, momentos do jogo, detalhes que puderam fazer a diferença. Uma delas, no jogo passado, que foi muito importante, foi o nosso mental. As coisas não estavam saindo como a gente planejava. Queríamos ter criado mais oportunidade de gol, ter feito um, dois gols, mas ele sempre deixou muito frisado o nosso mental. A gente se manter focado. Acredito que a equipe teve essa força mental, conseguiu se concentrar durante os 90 minutos para conseguir a vitória, e ela veio".

SISTEMA DEFENSIVO

"A gente não vem sofrendo gols. Quando a gente não sofre gols, estamos muito mais perto da vitória, porque sabemos que temos um ataque muito qualificado. É continuar nessa pegada, acertar os detalhes".

FABRÍCIO BRUNO

"É um zagueiro que tem característica muito boas. É um zagueiro muito rápido. A gente tenta ajustar ao máximo durante os treinamentos para que tudo no jogo saia bem natural. Acho que não só o Fabrício como também os outros zagueiros que estão no elenco do Flamengo têm muito a somar e entregar para o time. Nossa parceria tem dado certo. A gente não vem sofrendo gols".