Rio - Léo Ortiz atuou como titular no Flamengo pelo segundo jogo seguido. A sequência é algo inédito para o zagueiro, que, desde que chegou ao clube, fez somente seis partidas. Após a vitória sobre o Millonarios por 3 a 0, na última terça (28), pela Libertadores , o jogador comemorou e aposta no entrosamento com seus companheiros para seguir evoluindo.
"Muito feliz pela vitória, mais uma aqui dentro. Acho que a adaptação vai seguir com o decorrer dos jogos passando. Foi o meu primeiro jogo em sequência, Amazonas e agora esse. Então, os jogadores também vão conhecendo meu estilo de jogo dentro do campo e vão fazer que a gente se conheça cada vez mais. Eu vou achar esse espaço mais, eu vou descobrir aquele mais… Essas coisas de dentro do campo que vão fazendo que a gente conheça mais e ainda esteja mais pronto", disse Léo Ortiz.
Contra Amazonas e Millonarios, o Flamengo não sofreu nenhum gol com o defensor na zaga. A sequência ganha vem em um momento onde Fabrício Bruno pode deixar o clube para defender as cores do West Ham, da Inglaterra. Ciente da possível perda, o técnico Tite já começa a dar ritmo para o camisa 3.
Ortiz chegou ao Flamengo em março, após uma longa negociação do clube carioca com o Red Bull Bragantino. O Rubro-Negro investiu 7 milhões de euros (cerca de R$ 36,7 milhões) pelo jogador, mas a consistência do sistema defensivo formado por Fabrício Bruno e Léo Pereira desde o início da temporada impediu que o recém-chegado ganhasse mais chances com Tite. Agora, sem o camisa 15, o cenário deve mudar.