Rio - O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, deu sinal verde para a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) abrir negociações com Juan, cotado para fazer parte da equipe de coordenação no novo planejamento traçado pelo mandatário da entidade, Ednaldo Rodrigues.
Há, no entanto, um conflito dentro da diretoria rubro-negra. Isso porque Marcos Braz não gostou da primeira sondagem pela contratação de Juan e quer manter o ex-zagueiro como gerente do clube. As informações são do site "GOAL".
Recentemente, Flamengo e Juan já tiveram baixa de Fabinho Soldado, que deixou o Ninho do Urubu para trabalhar na nova gestão do Corinthians.