Rio - O Flamengo viveu uma tarde histórica. O Rubro-Negro goleou o Vasco por 6 a 1 , neste domingo (2), no Maracanã, pela 7ª rodada do Brasileirão, e aplicou a sua maior goleada na história do Clássicos dos Milhões. A goleada também ficou marcada pelo primeiro gol de Gabigol após perder a camisa 10 . O agora 99 admitiu estar arrependido dos episódios recentes e se declarou ao clube.
"Estou muito bem. Não vou agradar todo mundo, sei que muita gente quer estragar (relação com o clube). Na maioria das vezes a gente foi muito feliz, mas também aconteceram coisas ruins. Estou aqui para jogar. Me arrependo, errei, foi uma coisa sem pensar. Todo mundo sabe o quanto eu amo e me identifico com o Flamengo. Sei que tem muita gente tentando criar algo que não existe. Vou seguir trabalhando e dando meu máximo nos treinos e nos jogos. Isso (dedicação) nunca faltou", disse.
Gabigol entrou em campo aos 33 minutos do segundo tempo, no lugar de Pedro. Após não sair do banco contra o Amazonas, pela Copa do Brasil, e Millonarios, da Colômbia, pela Libertadores, o agora camisa 99 entrou em campo pela primeira vez após o episódio com a camisa do Corinthians. O reencontro ficou marcado por um misto de vaias e aplausos. Mas a história mudou após o gol.
"Estou muito feliz no Flamengo, eu amo o clube, amo o Rio de Janeiro. Espero ainda pode ficar muito tempo aqui", disse o atacante que tem contrato até o fim de 2024.
Com a vitória na goleada histórica sobre o Vasco, o Flamengo chegou aos 14 pontos e assumiu a liderança temporária do Brasileirão. O Rubro-Negro volta a campo no próximo dia 13, quando recebe o Grêmio, no Maracanã, às 20h (de Brasília), pela 8ª rodada.