Rio - O futuro de Matheuzinho segue indefinido. O Flamengo vive uma situação de impasse para definir o destino do lateral-direito. O jogador, de 23 anos, deseja jogar no Corinthians, onde realizou alguns treinos durante a pré-temporada, enquanto o Rubro-Negro prioriza o negócio com o Botafogo, contrariando o desejo do atleta, segundo informações do "ge".
Botafogo e Corinthians ofereceram 4 milhões de euros (R$ 21,2 milhões na cotação atual) pelo jogador. O Flamengo, no entanto, prioriza o rival carioca por causa do formato de pagamento à vista, enquanto o Timão pagaria 3 milhões de euros fixos e 1 milhão de euros por metas pré-estabelecidas em contrato. Porém, o desejo de Matheuzinho pelo time paulista travou as duas negociações.
O Botafogo prioriza a contratação de um lateral-direito. Mateo Ponte, que ainda não se firmou, está com o Uruguai no Pré-Olímpico, enquanto Rafael se recupera de lesão. O Alvinegro, no entanto, não pretende esperar por muito tempo e, se a demora persistir, pode se retirar do negócio. Já o Corinthians, por sua vez, conta com Fagner como titular, mas busca um substituto para reduzir o desgaste do jogador.
Além de Botafogo e Corinthians, Matheuzinho também foi alvo do Bragantino. O clube paulista chegou a oferecer um salário três vezes maior que o atual, mas o jogador recusou. O Flamengo chegou a cogitar envolvê-lo num negócio pelo zagueiro Leo Ortiz, mas sem sucesso. O Rubro-Negro espera definir o futuro do lateral ainda nesta semana.