Flamengo recebe "chuva" de ofertas e estuda como substituir Guerrero

A punição de um ano aplicada a Paolo Guerrero pela Fifa por causa de doping mudou os planos do Flamengo para a próxima temporada. O Rubro-Negro, que planejava contratar apenas um atacante para 2018 (a pedido do técnico Reinaldo Rueda), deve buscar mais um para substituir o centroavante peruano.

O contrato de Guerrero com o Flamengo vai até agosto de 2018. Por isso, se não conseguir reverter a punição de um ano, o atacante não deve atuar mais pelo Rubro-Negro, que já está analisando nomes para a próxima temporada. Calleri, argentino ex-jogador do São Paulo e atualmente no Las Palmas-ESP, por exemplo, é monitorado. Enquanto isso, outros vários têm sido oferecidos.

Rodrigo Caetano, diretor executivo do Flamengo, e outros dirigentes têm recebido, ainda mais por causa da suspensão de Guerrero, ligações com ofertas de empresários, nomes de jogadores, possibilidades... Todas (ou quase todas) são analisadas. A ideia do Rubro-Negro é contratar dois atletas para o setor ofensivo, pelo menos um centroavante.

O técnico Reinaldo Rueda já tinha pedido à diretoria do Flamengo um atacante para a próxima temporada. Como chegou no meio de 2017, o treinador colombiano não teve participação na montagem do atual elenco e quer reforçar a equipe para 2018. Como ainda está na final da Sul-Americana, o Rubro-Negro não tem avançado em investidas por novos nomes por enquanto.

Fonte: Globo Esporte

Comentários

Jogos

Brasileirão Série A
FlamengoFlamengo
1 x 2
Atlético PRAtlético PR
Últimas
+ Lidas da semana