Flamengo pega o Palmeiras entre retornos e desfalques, e Andreas Pereira pode ser novidade

O Flamengo volta a campo no Brasileiro depois de 15 dias de treinamento com um saldo de desfalques maior que o esperado. E precisará começar a lançar mão das soluções que contratou. Primeiro reforço da última leva que entrou na equipe, Andreas Pereira tem chamado muita atenção nos jogos e atividades no Ninho do Urubu, e pode ganhar a primeira chance neste domingo contra o Palmeiras, 16h, fora de casa.

O meia, contratado ao Manchester United, tirou comentários elogiosos da comissão técnica de Renato Gaúcho e do gerente técnico Juan, ex-jogador do clube, desde que chegou. Na ausência de Diego Ribas e Bruno Henrique, machucados, Andreas pode tanto ser utilizado no meio-campo, como atuar aberto na ponta.

A primeira opção é a mais provável, porém a concorrência é com outro jogador que entrou nas últimas partidas. Thiago Maia substituiu exatamente Diego e quando foi acionado, correspondeu. No ataque, a disputa seria com Michael.

O Flamengo inicia o returno do campeonato com 31 pontos, na quinta posição, mas tem dois jogos a menos. E está a quatro pontos do Palmeiras e a oito do líder Atlético-MG. O confronto direto é visto como uma oportunidade de colar na ponta. Mesmo próximo de dois jogos importantes, pela Copa do Brasil e pela Libertadores, nas próximas quartas-feiras.

Por isso a importância de rodar bem o elenco e começar a colocar os reforços em ação. Kenedy só não será relacionado pois ainda precisa de mais tempo de recondicionamento físico após 10 dias de quarentena na Inglaterra. O jogador tem treinado bem com o grupo, mas ainda faz trabalhos personalizados no campo e na academia para que possa encarar a sequência de partidas da temporada. Já Andreas, que veio com a pré-temporada em dia na Inglaterra, jogou seus primeiros nove minutos contra o Santos, e fez até gol.

O clássico terá o reforço de três jogadores convocados para as Eliminatórias da Copa do Mundo no lado do Flamengo e um para o Palmeiras, o goleiro Weverton. O clube carioca montou uma logística para que não houvesse desgaste desnecessário, porém, Gabigol não irá jogar, pois apresentou dores musculares. Portanto, Ribeiro, que atuou em Recife, se apresenta hoje no Rio. O time vai para São Paulo, onde estarão Isla e Arrascaeta.

Na zaga, o Flamengo ainda não deve arriscar o uso de Rodrigo Caio. O jogador treinou com o grupo após longo trabalho de reequilíbrio muscular. Porém a comissão técnica não quer expor o jogador antes de ele ter condição física plena. O mesmo raciocínio vale para o zagueiro Léo Pereira, que se recuperou de um edema ósseo. Com isso, a dupla titular deve ser Bruno Viana e Gustavo Henrique.

Fonte: Extra
)