Rio - Na tarde desta segunda-feira, 8, o Flamengo oficializou a contratação do atacante Carlinhos, destaque do Nova Iguaçu no Campeonato Carioca 2024. O jogador assinou contrato válido até dezembro de 2026.
Com oito gols marcados em 13 partidas disputadas, Carlinhos foi o vice-artilheiro do Estadual. Ele ficou atrás apenas de Pedro, que marcou 11 vezes em 12 jogos. Agora, os dois serão companheiros de equipe.
Flamengo e Nova Iguaçu, aliás, mediram forças nas finais do Campeonato Carioca . A contratação, porém, já estava acertada desde antes do primeiro jogo da decisão . Com isso, a imprensa pôde conversar com o atacante na zona mista do Maracanã após a partida de ida. Na ocasião, ele admitiu que era um sonho jogar no Fla, mas também mostrou foco no clube da Baixada.
Carlinhos conversa com Tite, técnico do Flamengo - Marcelo Cortes/CRF
Carlinhos conversa com Tite, técnico do Flamengo Marcelo Cortes/CRF
"A gente sabe da qualidade do Flamengo, maior investimento da América do Sul, mas o jogo é jogado. Temos que seguir acreditando até o fim. Tomamos os três gols hoje, mas tem outro jogo. Temos que trabalhar a semana toda, virmos forte psicologicamente no próximo domingo", disse Carlinhos.
"É um sonho jogar no Flamengo. Comigo não é diferente, mas estou focado no Nova Iguaçu. Estou pensando aqui primeiro, e, se possível, ser campeão. É um passo de cada vez", finalizou.
Num primeiro momento, Carlinhos poderá jogar apenas o Campeonato Brasileiro pelo Flamengo . Como já atuou pelo Nova Iguaçu na Copa do Brasil, não ficará à disposição de Tite na competição. No caso da Libertadores, poderá ser inscrito caso o Rubro-Negro avance às oitavas de final.
CARREIRA
Formado na base do Corinthians, Carlinhos passou por clubes pequenos de São Paulo como Oeste, Novorizontino, Juventus, São Caetano e Santo André. No Rio, ele teve duas passagens pelo Audax. Em sua primeira temporada pelo Nova Iguaçu, o atacante atuou em 13 jogos, fez nove gols e deu uma assistência.
No Flamengo, Carlinhos, de 27 anos chegará para ser uma opção no banco de reservas para Pedro. Gabigol está suspenso até abril de 2025 pela tentativa de fraudar um exame antidoping. Apesar disso, o Rubro-Negro confia que irá conseguir reverter a pena e inscreveu o camisa 10 na Libertadores.