Logo Netfla

Flamengo mira título da Libertadores e quer melhor relação com a Conmebol

Sttaff Images / Flamengo
Um dos objetivos de Landim é melhorar a relação institucional do Fla com as entidades que organizam o futebol

Em sua sede em Assunção, no Paraguai, a Conmebol realizará nesta segunda, às 21h, o sorteio da Copa Libertadores 2019, definindo os grupos e confrontos da primeira e segunda fase. Para o Flamengo, o primeiro passo será dado por um dos principais objetivos esportivos do clube no próximo triênio: a conquista da América, o que exige trabalho forte dentro e fora das quatro linhas.

Um dos desafios da gestão será estreitar e melhorar a relação institucional do Fla com as entidades que organizam o futebol brasileiro e sul-americano. Entre elas, a Conmebol. Nos dois mandatos de Eduardo Bandeira de Mello, o clube da Gávea teve uma relação conflituosa, especialmente com a Ferj e CBF, o que foi alvo de críticas por parte da oposição no último pleito presidencial.

Leia também:

"Nos contatos que estamos tendo com algumas pessoas ligadas às entidades, o feedback que recebemos não é bom da forma com que o Flamengo se comporta. As críticas são inúmeras", afirmou Landim, em entrevista ao Lance!, antes da eleição.

Um dos oito brasileiros classificados para o torneio, o Fla será representado pelo VP Marcos Braz e Luiz Eduardo Baptista, o Bap, nomes fortes do futebol da gestão de Rodolfo Landim, presidente eleito para o triênio 2019-21 há 10 dias.

A presença do mandatário no sorteio da Conmebol, por sua vez, não estava confirmada até domingo. Landim será empossado e assumirá oficialmente o cargo máximo do clube da Gávea na quarta-feira, dia 19, o que dificulta a logística da ida para a capital paraguaia.

Em junho de 2018, no sorteio das oitavas de final da Libertadores, Eduardo Bandeira de Mello e Ricardo Lomba representaram o Flamengo, por exemplo.

Em seu plano de governo, Rodolfo Landim expôs uma série de ações a serem tomadas a fim de melhorar as relações externas. Entre elas, "convidar notáveis rubro-negros, sempre dentro de suas competências, para atuarem, em comissões (ou individualmente) perante entidades específicas, representando e defendendo o Flamengo em assuntos pontuais".

Primeiro técnico da gestão de Rodolfo Landim, Abel Braga ouviu o pedido do presidente por títulos nas reuniões que selaram o acordo - o treinador assina contrato de um ano, sem multa rescisória, na quarta. Em 2019, o Flamengo disputará Campeonato Carioca, Copa Libertadores, Brasileirão e Copa do Brasil.

A cobrança é por conquistas e até mesmo vencer o Estadual - o que aconteceu duas vezes nos seis anos da "Era Bandeira de Mello" - é tido como importante, mas o treinador coloca a Libertadores como o principal objetivo da temporada.

"Vou fazer de tudo da minha vida para ganhar essa Libertadores com o Flamengo", afirmou Abel Braga, em entrevista à "Fox", na última semana.

Abel Braga, em sua primeira passagem na Gávea, conquistou o Estadual. Ainda em 2004, pelo Fla, foi vice da Copa do Brasil. O treinador venceu a Libertadores e Mundial pelo Internacional, em 2006, e o Brasileiro de 2012, pelo Fluminense.

Fonte: Uol

Comentários

Jogos

Próximo jogo 1 dia, 13 horas a partir de agora
Copa do Brasil
FlamengoFlamengo
X
Athletico PRAthletico PR
Qua 17/07 / Maracanã / 21h30
Brasileirão - Série A
FlamengoFlamengo
6 x 1
GoiásGoiás
Últimas
+ Lidas da semana