O Flamengo disputa a primeira partida em 2024 na quarta-feira (17), contra o Audax, às 21h30, em Manaus, sem muita diferença em relação à temporada passada. Para a estreia no Campeonato Carioca, o Rubro-Negro jogará com a equipe principal, antes de viajar no dia seguinte aos Estados Unidos, e apenas De La Cruz e Matheus Gonçalves são as novidades na delegação que embarcou nesta terça-feira (16).
Sem o uruguaio, que não foi regularizado a tempo e chegou apenas na semana passada, o técnico Tite escalará velhos conhecidos da torcida em todas as posições. Matheus Gonçalves, que estava emprestado ao Red Bull Bragantino, pelo menos é mais uma opção que não estava no fim de 2023 e o treinador ganha.
Não é a primeira temporada que o Rubro-Negro começa um ano sem muitas contratações, o que acaba fazendo ao longo da temporada. Ainda mais pela dificuldade em acertar com os jogadores em pauta .
Léo Ortiz já se acertou com o clube, mas o Red Bull Bragantino não abre mão de receber cerca de R$ 63,9 milhões e o reintegrou aos treinos do time. Já em relação a Luiz Henrique, do Betis, e Viña, da Roma, o vice de futebol, Marcos Braz, e o diretor, Bruno Spindel, foram à Europa para tentar fechar as contratações.
Em meio às negociações, o Flamengo que começa 2024 terá mais modificações no banco de reservas. Afinal, Everton Ribeiro, Santos, Filipe Luís e Rodrigo Caio saíram . Outras opções, como Thiago Maia e Matheuzinho, estão a caminho de Internacional e Corinthians, respectivamente, e não viajam.