Rio - A novela mais longa da atual janela de transferências está em sua reta final, e provavelmente com final feliz para o Flamengo . Após longas reuniões ao longo da última quinta-feira (29), o Rubro-Negro conseguiu costurar um acordo com o Red Bull Bragantino e está por detalhes de fechar a contratação do zagueiro Léo Ortiz. A informação é do site "ge".
Antes, o maior obstáculo para que a negociação por Léo Ortiz fosse concluída era em relação à forma de pagamento . O Bragantino não concordava com o parcelamento proposto pelo Flamengo, mas os clubes já caminham para um denominador comum. O clube carioca pagará mais de 8 milhões de euros pelo zagueiro.
As reuniões da última quinta contaram com o vice de futebol Marcos Braz e o diretor executivo Bruno Spindel, representando o Flamengo, o executivo de futebol do Bragantino, Diego Cerri, pelo lado do Massa Bruta, e Paulo Pitombeira, empresário de Ortiz. O agente, inclusive, foi importante para que as conversas fossem retomadas em um momento que parecia improvável, já que o clube paulista não dava abertura para tal.
Apesar da classificação do Bragantino para a terceira e última fase da pré-Libertadores, o desejo de Léo Ortiz segue o mesmo de quando as negociações começaram, no fim do ano passado: quer jogar no Flamengo . A vontade do jogador, inclusive, foi fundamental para o desenrolar das conversas. Ele chegou a dizer que abriria mão dos 25% que teria direito para que a transferência fosse concluída.
Também foi discutido pelos dois clubes no encontro desta quinta a possibilidade da presença de Léo Ortiz no duelo do Bragantino com o Botafogo, no jogo de ida da Libertadores , na próxima quarta-feira (6), que vale vaga na fase de grupos da competição. Como a janela de transferências se fecha no dia 7 de março, ele poderia estar em campo pelo menos no primeiro jogo. A participação do zagueiro não impede que ele defenda o Flamengo nas próximas fases do torneio.
Nos últimos anos, Léo Ortiz foi um dos destaques do Bragantino. Capitão do Massa Bruta, ele disputou 198 jogos pelo clube e marcou 14 gols. Em 2022, chegou a ser convocado para a seleção brasileira, ainda sob o comando de Tite , treinador que provavelmente reencontrará no Flamengo.