Rio - Uma reunião realizada na tarde desta sexta-feira (1) definiu que Léo Ortiz, do Bragantino, será jogador do Flamengo em 2024. Os dois clubes agora conversam para saber se o zagueiro defenderá o Massa Bruta nas duas partidas contra o Botafogo, pela Pré-Libertadores. As informações são do "ge".
Ficou definido, entretanto, que Léo Ortiz não defenderá mais o Bragantino pelo Campeonato Paulista. Caso ele participe dos dois jogos restantes da primeira fase da competição, ele não poderá defender o Flamengo no Campeonato Carioca, já que a inscrição se encerra 48 horas antes do início da semifinal, cuja primeira data está marcada para 9 de março.
A decisão de se Léo Ortiz irá a campo contra o Botafogo pela Pré-Libertadores, entretanto, está nas mãos do próprio zagueiro. O Flamengo afirmou que não irá se meter na decisão do atleta, mas afirmou que a negociação será desfeita em caso de lesão e que os exames médicos válidos serão os feitos após a participação do defensor na Pré-Libertadores.
O Flamengo desembolsará 7 milhões de euros (cerca de R$ 37,5 milhões) em duas parcelas e mais 1,5 milhão (cerca de R$ 8,04 milhões) na mesma moeda por variáveis para a contratação de Léo Ortiz. O defensor assinará contrato válido até dezembro de 2028.
Nos últimos anos, Léo Ortiz foi um dos destaques do Bragantino. Capitão do Massa Bruta, ele disputou 198 jogos pelo clube e marcou 14 gols. Em 2022, chegou a ser convocado para a seleção brasileira, ainda sob o comando de Tite, treinador que provavelmente reencontrará no Flamengo.