Em prévia do Super 8, Flamengo vence Minas fora de casa e chega à décima vitória no NBB


O jogo valia pelo NBB, mas o Flamengo, já com sua posição garantida na terceira colocação, queria a vitória, mas também usar a partida como laboratório para a disputa do Super 8, no próximo fim de semana, na Rio de Janeiro. Jogando na casa do adversário, o Mais Querido obteve a vitória por 91 a 80 sobre os mineiros, depois de um primeiro tempo acima da média e de deixar os adversários encostarem no terceiro quarto. No final, prevaleceu a diferença obtida nos 20 minutos iniciais e quem tinha Olivinha e Franco Balbi no elenco.

Sabia que você pode ser parte dos esportes olímpicos do Flamengo? Acesse o novo site, www.flamengo.com.br/anjo-da-guarda, confira as novidades e torne-se um Anjo da Guarda Rubro-Negro. Para dúvidas e mais informações, ligue para (021) 3199-3502.

O Ala-pivô fez 26 pontos, em uma atuação espetacular. Já o armador argentino, por muito pouco não chegou ao triplo-duplo, com 11 pontos e 15 assistências, sua maior marca no NBB, ficando a dois rebotes de atingir o recorde. Não importa muito, pois Balbi foi essencial para a vitória com passes espetaculares que desconcertaram a defesa do Minas.

Terceiro e sexto colocados no NBB, respectivamente, os dois times se enfrentarão na primeira rodada do Super 8, no próximo sábado, (21), às 14h, na Arena Carioca 1. Informações sobre ingressos serão repassadas em breve.

O primeiro quarto foi todo de um time. O Flamengo não tomou conhecimento do Minas. Com excelente desempenho defensivo, a equipe pegou 11 rebotes e impediu três ataques mineiros no estouro do relógio. Olivinha, já mostrando o que viria pela frente, e Kevin Crescenzi marcaram sete pontos, enquanto Balbi já distribuía as assistências que desequilibrariam a partida. O placar de 26 a 12 só confirmou a diferença técnica em quadra.

No segundo quarto, o panorama não mudou muito. Dessa vez, foi Varejão quem apareceu para jogar com Olivinha e marcar os pontos da equipe. Os rebotes foram mais equilibrados (10-9), mas a diferença no aproveitamento das cestas ainda era muito maior para o Flamengo. Foram 10 dentro do garrafão contra apenas duas do Minas e o primeiro tempo terminou 53 a 31 (29-17) para os visitantes.



Na volta do intervalo, o Minas era outro. Empurrado pela torcida, o time azul se encontrou no jogo e pressionou o Flamengo. A diferença de mais de 20 pontos foi pulverizada, mas ainda acabou sendo essencial para a manutenção da vantagem no quarto. Com 16 pontos, Coleman empurrou o Minas e só não empataram porque Olivinha fez 10 pontos, exatamente a diferença no final do quarto (70 a 60), que repetiu, de forma inversa, o placar anterior. 29-17 para o Minas.

Nos 10 minutos finais, a emoção tomou conta do jogo. O Flamengo ainda mantinha a frente e em nenhum momento perdeu a liderança, mas os mineiros encostaram e chegaram a reduzir para cinco a gordura. Jefferson era o principal responsável pela recuperação mineira, com 12 pontos. Marquinhos e Davi entraram em cena, com cinco pontos cada um, para manter o Fla com a vitória, que chegou ao final do tempo pela diferença de 11 pontos.

As equipes de basquete do Clube de Regatas do Flamengo contam com recursos de seus patrocinadores – thinkseg, AmBev, Rede D’or, IRB Brasil RE, CSN, Brasil Plural, EY – via Lei de Incentivo Federal/Ministério do Esporte (IR) e Lei de Incentivo Estadual/Secretaria de Estado de Esporte, Lazer e Juventude (Seelje) do Rio de Janeiro, além de apoio do Comitê Brasileiro de Clubes (CBC) proveniente da descentralização de recursos oriundos da Lei Pelé. O Projeto Anjo da Guarda Rubro-Negro, de transferência fiscal de pessoa física, beneficia todas as modalidades olímpicas do Mais Querido.

Fonte: Flamengo Oficial

Comentários

Jogos

Florida Cup
FlamengoFlamengo
1 x 0
EintrachtEintracht
Últimas
+ Lidas da semana