Rio - O diretor executivo de futebol do Flamengo, Bruno Spindel, atualizou as movimentações do Flamengo no mercado de transferências. Em entrevista à "FlaTV", nesta terça-feira, 9, o dirigente revelou as duas posições que o Rubro-Negro busca e destacou a necessidade de ter paciência e responsabilidade com os recursos do clube.
"Todo mundo sabe que pela aposentadoria do Filipe (Luís) e pelo fim do contrato do Rodrigo (Caio), estamos em busca de um lateral-esquerdo e de um zagueiro. Inicialmente, estamos em busca de um zagueiro e de um lateral-esquerdo. Como a gente sempre fez, com muita calma, muita paciência e muita responsabilidade com os recursos do Flamengo, e buscando sempre trazer atletas que nós entendemos que vão contribuir para qualificar o grupo e aumentar a chance de grandes conquistas na temporada", disse Spindel.
Posteriormente, o dirigente foi questionado se o Flamengo conseguirá trazer o zagueiro e o lateral-esquerdo neste mês. Spindel, então, manteve os pés no chão e explicou a postura do clube no mercado.
"É difícil dizer, porque tem variáveis que o Flamengo não controla. Do outro lado da mesa, tem clubes e decisões que os atletas e seus agentes precisam tomar. Então, não é uma coisa que depende só do Flamengo. O que podemos dizer é que estamos trabalhando para poder trazer esses atletas que a gente entende que vão contribuir para qualificar o elenco", afirmou Bruno Spindel.
"São reuniões diárias com o presidente, o treinador, a comissão técnica, o staff do clube para que a gente possa trazer esses atletas o mais rápido possível. O mais importante é que a gente seja assertivo, que eles contribuam para que o Flamengo conquiste grandes títulos esse ano. E sempre com responsabilidade com os recursos do Flamengo. O Flamengo não vai pagar preço errado e fazer irresponsabilidade. A gente vai fazer e tomar as decisões que nós entendemos adequadas e por valores justos para todas as partes", completou.