Logo Netfla

Diego e a mulher têm os celulares clonados e meia do Flamengo faz denúncia do golpe

Um dia após estrear como capitão do Flamengo na temporada de 2019 , o meia Diego Ribas descobriu que tem sido vítima de um golpe. O jogador usou suas redes sociais para informar que o seu celular e o da mulher, Bruna Letícia Cunha, foram clonados por bandidos, que estão cobrando dinheiro de pessoas ligadas ao casal através de mensagens pelo WhatsApp.

“Número clonado!! Meu telefone e de minha esposa foram clonados! Peço que desconsiderem qualquer mensagem recebida e bloqueiem os contatos”, avisou o jogador em seu perfil no Instagram.

Bruna Letícia fez o mesmo pedido em sua conta pessoal na rede social:

"Nossos celulares foram clonados! Alguém de muita má índole está pedindo transferências em nossos nomes! Favor, nos bloquear do WhatsApp“, disse a esposa do jogador.

Diego está nos Estados Unidos disputando a Flórida Cup com o Flamengo. A mulher e os dois filhos viajaram para acompanhar o jogador e curtir uns dias de descanso no país.

Capitão do Flamengo no duelo contra o Ajax, Diego ainda não confirmou se irá renovar com o clube . Com contrato até o meio deste ano e com proposta formal do Orlando City, o camisa 10 deixou o futuro no ar e disse que ainda está em negociações com a diretoria.

"Acima de tudo quero deixar bem claro meu eterno respeito pelo Flamengo, independente de qualquer coisa. Saíram notícias de que eu acertei, mas eu não acertei. Existe a proposta (do Orlando City), mas nós estamos na fase de negociação e vamos ver o que vai acontecer nos próximos dias", declarou ao canal “Sportv”.

Fonte: Extra

Comentários

Jogos

Brasileirão - Série A
FlamengoFlamengo
- x -
Atlético MGAtlético MG
Últimas
+ Lidas da semana