Da casa para o campo, César Martins volta para o time titular do Flamengo

Tata auxiliar Flamengo e César Martins treino (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo) Tata auxiliar Flamengo e César Martins treino (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

O futebol é dinâmico, um dos chavões mais repetidos entre tantos clichês no esporte, explica a semana de César Martins. Na segunda-feira ele se despedia do clube, começando a treinar por conta própria. Na quarta à noite recebia chamado do Flamengo para retornar. Quinta, viveu trauma de ver sua família em risco em agressão de torcedores e no domingo, ao que tudo indica, volta a ser titular no time. Tudo isso em apenas uma semana.

Os altos e baixos de César, que colocaram à mostra as falhas de planejamento do departamento de futebol , levaram o jogador a voltar ao estádio onde se destacou no futebol nacional. Foi vestindo a faixa preta em diagonal da Ponte Preta que ele se destacou e foi vendido para o Benfica. Em Lisboa, não conseguiu chance no time principal português até pintar a chance de empréstimo no Flamengo - mais uma das muitas tentativas da atual diretoria em resolver o problema da zaga.

César chegou na janela no meio do ano, fez algumas partidas como titular, mas demorou a se adaptar. O início do ano, deu entrevista ao GloboEsporte.com, apostando em sucesso do time e dele próprio na temporada . Por enquanto nem uma coisa nem outra. Muricy chegou a pedir sua permanência, mas a última partida com a camisa do Flamengo, contra o Vasco, selou o seu destino. Envolvido por Riascos no lance de um dos gols vascaínos, ele foi criticado pelos torcedores e pouco depois nem no banco de reservas mais apareceu - dando chance à ascensão de Léo Duarte.

Sem Juan, lesionado na última partida e que deve ficar um mês fora, ele vai entrar em campo ao lado do garoto recém-promovido do time de juniores. Com novo treinador e nova chance, César ganhou sobrevida no Flamengo, mas não tem chance de permanecer. A apresentação no Benfica está marcada para dia 27 de junho.

Fonte: Globo Esporte
)