Com nove pontos para liderança do Brasileiro, Flamengo se divide entre a cautela e o sonho

O Flamengo ganhou dois jogos seguidos no Campeonato Brasileiro e viu a distância para o líder Botafogo cair para nove pontos (59 a 50). Mas ainda dá para pensar no caneco faltando 10 rodadas para o fim da competição? O elenco do Rubro-Negro se divide nesta questão.

Alguns jogadores como Arrascaeta dão entrevistas dizendo que é obrigação do Flamengo sonhar com a conquista do título brasileiro pela grandeza do clube. A opinião dele é compartilhada pela maioria. Mas nem todos acabam se expondo.

Outros nomes, como Thiago Maia, preferem falar sobre o próximo jogo e pensar em um desafio de cada vez. Os que compartilham desta tese insistem que "não dá para ficar torcendo contra quem está na frente se não fizer a própria parte".

Internamente, existe o sentimento de que qualquer movimento no sentido de inflar a torcida precisa ser cauteloso. Afinal de contas, o ano foi de decepções com a perda de vários títulos, como Copa Libertadores, Mundial de Clubes da Fifa, Recopa Sul-Americana, Supercopa do Brasil e Copa do Brasil.

O próximo desafio será nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), contra o Grêmio na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS), pela 29ª rodada. Como o Botafogo folga na rodada pois teve o jogo com o Fortaleza adiado, o Rubro-Negro pode encurtar a distância para seis pontos.




Fonte: Gazeta Esportiva