A CBF confirmou na noite deste domingo que o Brasil vai ter sete vagas na próxima edição da Copa Libertadores, sendo seis via Campeonato Brasileiro e uma pela Copa do Brasil.

Dessa forma, a Série A passa a premiar o G-6, e não o G-4, como era até a mudança. Atualmente, os seis primeiros colocados do Brasileirão são Palmeiras, Flamengo, Atlético-MG, Santos, Fluminense e Atlético-PR.

Caso um dos times termine o campeonato entre os seis primeiros e vença a Copa do Brasil, o Brasileirão pode ter até um 'G-7'.

"Futebol Brasileiro fica com 7 vagas na Libertadores: 6 no Brasileirão e 1 na Copa do Brasil. Vagas já valem para Libertadores 2017. Brasileirão com G-6", afirmou a CBF em anúncio no Twitter.

622 341db4cb ff55 39a0 ae78 127f78fb3ddf
Mudanças no calendário da Conmebol podem esvaziar o Brasileirão, diz Mauro

A confirmação da mudança veio depois de uma reunião da Conmebol, sediada em Bogotá, neste domingo. O aumento nas vagas para brasileiros no torneio sul-americano se deve ao aumento de clubes para a edição de 2017 da competição.

Na última quinta-feira, foram divulgadas novidades no formato da Libertadores, que passará a contar com 42 equipes, além de uma possível final em jogo único e local neutro.