Caso brTT: Red entra na Justiça contra o Flamengo e pede R$ 50 mil e indenização

O imbróglio envolvendo Flamengo e Red Canids Corinthians no caso da transferência de League of Legends Felipe "brTT" Gonçalves ganhou a Justiça. A Matilha entrou com ação no TJ-SP nesta quinta-feira alegando que havia um acordo de venda do jogador que não foi honrado pelo Rubro-Negro. No processo, obtido com exclusividade pelo SporTV.com, a organização pede o pagamento do acordo estipulado em R$ 50 mil mais indenização por danos morais.

Felipe "brTT" tinha contrato com a Red Canids até 20 de novembro do ano passado. Quinze dias antes do fim vínculo, o Flamengo ofereceu R$ 50 mil pelo jogador, proposta que foi imediatamente aceita pela Red Canids. O valor era inferior ao da multa rescisória do atirado, estipulado em R$ 150 mil. As tratativas foram realizadas por e-mail (veja abaixo) e até a data de pagamento fora acordada. A Matilha sustenta que, ao aceitar o valor, deixou de negociar brTT com outros interessados.

Porém, após ter negociado o valor, o Flamengo tomou ciência que o contrato de brTT estava perto de expirar. Os contatos com a Red Canids foram encerrados. Em seguida, com o jogador livre, o Rubro-Negro anunciou a contratação no dia 7 de dezembro. Por outro lado, a Matilha sustenta que as conversas foram iniciadas com o atirador ainda com vínculo ativo.

A Red Canids colocou Felipe "brTT" também como réu no processo. A organização acusa o jogador de atuar em conluio com a Cursor eSports e o Flamengo. Vale lembrar que a empresa faz a gestão do esporte eletrônico do Rubro-Negro. Uma denúncia também foi endereçada à Riot Games, que confirmou o recebimento da queixa, mas nunca se pronunciou sobre a resolução.

Em dezembro do ano passado, em contato com o SporTV.com, o Flamengo se defendeu dizendo que "todas as negociações de sua equipe de League of Legends foram feitas com total respeito às regras aplicadas ao mercado de games". O clube confirma ainda que o acerto "foi concretizado após o vencimento do contrato do atleta com seu antigo empregador e, portanto, sem o vínculo, não havia multa a ser aplicada". O Flamengo ainda não foi notificado sobre o processo.

Felipe "brTT" estreou com a camisa do Flamengo na última segunda-feira. O atirador fez parte do elenco que disputou a rodada inaugural do Circuito Desafiante contra a Ilha da Macacada. O Flamengo venceu por 2 x 0. O jogador nunca se manifestou sobre o caso.

Fonte: Globo Esporte

Comentários

Jogos

Brasileirão Série A
FlamengoFlamengo
1 x 2
Atlético PRAtlético PR
Últimas
+ Lidas da semana