O Flamengo ainda tenta entrar em acordo com o Red Bull Bragantino por Lèo Ortiz, mas as negociações ainda estão longe de um final feliz. O vice de futebol do Rubro-Negro, Marcos Braz, admitiu que as negociações deram um passo à frente, só que também não mostrou otimismo por um acerto .
"O Bragantino aceitou abaixar um pouco o que vinha pedindo, e o Flamengo também aceitou subir um pouco, mas ainda falta bastante coisa. A gente vai tocando a janela. A gente gostaria de contar com o atleta (Léo Ortiz), mas, se não for possível, é vida que segue", disse Braz em entrevista ao SporTV.
O Red Bull Bragantino, que inicialmente queria 10 milhões de euros (cerca de R$ 53,4 milhões), reduziu a pedida , mas o valor ainda é considerado alto pelo Flamengo. A diretoria rubro-negra queria pagar 6,5 milhões de euros (34,7), mas já aumentou a pedida.
Entretanto, os valores ainda são o principal empecilho para um acerto entre os clubes. Braz não confirmou se há um plano B caso Léo Ortiz não seja contratado, mas garantiu que o Flamengo ainda vai anunciar mais reforços para 2024.
"O Flamengo vai fazer as contratações que entender que tem que fazer até o final. E sempre com a responsabilidade orçamentária. Mas acredito que ainda teremos mais contratações", disse o dirigente.