Atletas do Flamengo visitaram vítimas de incêndio no CT após treino

Dois dias depois da tragédia que resultou na morte de dez jovens da base do Flamengo, alguns jogadores da equipe profissional foram visitar, nesta segunda-feira, Cauan Emanuel e Francisco Dyogo, dois dos sobreviventes do incêndio que assolou o CT Ninho do Urubu, no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

César, Cuéllar, Diego, Diego Alves, Éverton Ribeiro, Juan, Nixon, Rhodolfo e Vitinho foram alguns dos atletas que foram ao hospital após o treinamento realizado pela manhã, no Ninho do Urubu. O desejo dos jogadores era visitar os jovens o quanto antes, mas esse contato foi liberado para visitas foi liberado apenas nesta segunda-feira pelos médicos que cuidam dos jovens.

Cauan Emanuel, de 14 anos, vai ser o primeiro dos sobreviventes a voltar para casa, já que teve alta médica de manhã e vai deixar o hospital ainda nesta segunda-feira; Francisco Dyogo, de 15, ainda está no CTI, mas passa por uma situação de melhora.

Jonatha, de 15 anos, ainda está no quadro mais delicado entre os três. O jovem teve cerca de 35% de seu corpo queimado e não está no mesmo hospital que Cauan e Francisco. O atleta se encontra no Hospital Pedro II, em Santa Cruz, Zona Oeste do estado.

Confira o boletim médico do Rubro-Negro:
"​O Clube de Regatas do Flamengo informa que o atleta Cauan Emanuel está de alta hospitalar e deve ir para casa no final da tarde desta segunda-feira (11). Já o atleta Francisco Dyogo segue em curva de melhora, mas continua com demandas ventilatórias de oxigênio e ainda precisa de suporte com cateter nasal; por conta disso permanece internado no CTI.

O chefe do Departamento Médico do Flamengo, Dr. Márcio Tannure, e o médico das categorias de base do clube, Dr. Mauro Fonseca, além do clínico cardiologista do Hospital Vitória, responsável pela internação dos meninos, Dr. Fernando Bassan, acompanham a evolução dos quadros.

O atleta Jhonata Ventura teve a sedação suspensa, melhora dos parâmetros respiratórios e está estável hemodinamicamente. Jhonata não apresentou febre nas últimas 24h e realizou nova broncoscopia que mostrou melhora das lesões pulmonares. Também foi realizado novo banho das queimaduras mais profundas, que não mostraram piora das lesões. Foram realizados novos curativos tópicos e o menino segue aos cuidados de terapia intensiva do CTI do Centro de Tratamento de Queimados do Pedro II. Os médicos do Flamengo, Drs. Luiz Claudio Baldi e Gustavo Dutra, seguem acompanhando a situação do atleta."

Diego - Flamengo

Diego foi um dos jogadores que foi visitar os sobreviventes da tragédia (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Fonte: Lancenet

Comentários

Jogos

Próximo jogo 21 horas a partir de agora
Campeonato Carioca
FlamengoFlamengo
X
Americano RJAmericano RJ
Dom 24/02 / Maracanã / 17h00
Campeonato Carioca
FlamengoFlamengo
0 x 1
FluminenseFluminense
Últimas
+ Lidas da semana