Após vistoria, Ministério Público pede documentos ao Flamengo para decidir sobre interdição do CT

A vistoria realizada nesta terça-feira no Ninho do Urubu por autoridades do Poder Público do Rio de Janeiro ainda não chegou a um parecer final. Na inspeção, foi feito o recolhimento de informações técnicas e a requisição de alguns documentos ao Flamengo para avaliação por parte da perícia e dos profissionais. Um relatório conclusivo sobre a necessidade de interdição, parcial ou completa, ou obrigações para regularização do CT será apresentado em reunião na sexta-feira, às 10h, no Ministério Público do Rio de Janeiro.

Funcionários públicos fizeram vistoria no Ninho do Urubu nesta terça-feira — Foto: André Durão / GloboEsporte.com

Funcionários públicos fizeram vistoria no Ninho do Urubu nesta terça-feira — Foto: André Durão / GloboEsporte.com

Após o incêndio que matou 10 jogadores das categorias de base e feriu outros três na última sexta-feira, o Flamengo viveu uma manhã de pente fino no Ninho. O CT rubro-negro foi fiscalizado por integrantes de diversas autoridades, como do Corpo de Bombeiros, Secretaria de Urbanismo, Ministério Público Estadual, Ministério Público do Trabalho, Superintendência Regional do Trabalho e da Defensoria Pública.

O Corpo de Bombeiros, por exemplo, notificou o Flamengo para apresentação de um novo projeto de segurança contra incêndio e pânico no CT, além da manutenção dos dispositivos já existentes.

Os órgãos inspecionaram não só os contêineres próximos da área afetada pelo incêndio na última sexta-feira, mas sim todas as dependências do Ninho do Urubu, desde as tomadas e interruptores da portaria às instalações do novo módulo profissional. A vistoria começou por volta das 10h e terminou perto das 15h. Em nota oficial divulgada na noite desta terça, o Ministério Público explicou o processo de vistoria:

Confira a nota na íntegra:

"MPRJ, Defensoria e MPT realizam vistoria técnica no Ninho do Urubu

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), a Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro (DPRJ) e o Ministério Público do Trabalho (MPT) realizaram vistoria técnica, nesta terça-feira (12/02), no Centro de Treinamento do Flamengo, em Vargem Grande, Zona Oeste do Rio.

As instituições que compõem a força-tarefa recolheram informações técnicas relacionadas às instalações do Ninho do Urubu e a questões ligadas à proteção dos direitos da infância e da juventude. Representantes do Flamengo estiveram presentes e franquearam o acesso às dependências do centro. Foram requisitados documentos para embasar posterior análise da perícia.

Bombeiros inspecionaram também o novo módulo do CT profissional — Foto: André Durão/GloboEsporte.com

Bombeiros inspecionaram também o novo módulo do CT profissional — Foto: André Durão/GloboEsporte.com

Também estiveram presentes representantes da Polícia Civil do Estado, do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Prefeitura do Município do Rio, que recolheram material para a complementação do parecer sobre a inspeção.

Como já anunciado, cada instituição apresentará relatório conclusivo na próxima sexta-feira (15/02), em reunião a ser realizada às 10 horas na sede do MPRJ, para a adoção das medidas cabíveis junto ao clube para a regularização do CT."

Fonte: Globo Esporte

Comentários

Jogos

Próximo jogo 21 horas a partir de agora
Campeonato Carioca
FlamengoFlamengo
X
Americano RJAmericano RJ
Dom 24/02 / Maracanã / 17h00
Campeonato Carioca
FlamengoFlamengo
0 x 1
FluminenseFluminense
Últimas
+ Lidas da semana